Eleições 2012, Conclusão

Eu sempre acreditei que Deus está acima de tudo e só Ele sabe a hora certa de fazer as coisas certas. Deus deve ter visto que nossas cabeças estão presas no atraso. O nosso atraso psicológico é visível tanto no fato de ainda usarmos o Windows XP como sistema, de querermos o Fusca como carro e de optarmos também pelo atraso político. Não estamos conseguindo abrirmos nossas cabeças para algo novo, preferimos o preconceito, veja só! Sabendo dessa dificuldade tão grande que temos de abrir nossas cabeças, Deus nos enviou a Joice Alvarenga como anjo e como heroína. Ele, sendo perfeito, já sabia que não conseguiria mudar-nos em apenas uma eleição, precisaríamos de mais tempo. Mas, como heroína, Joice Alvarenga sabe que tem que buscar em sua fraqueza a força para cumprir essa missão divina. Ela terá que superar tudo isso e ainda buscar força para continuar. Mas, como anjo, Joice Alvarenga terá a paciência necessária para entender nossas cabeças cruas de novidades e continuar explicando com todos os detalhes próprios do sexo feminino para nos fazermos melhores.

Ubuntu Dicas, JDownloader

Todas as pessoas quem mudam para algum sistema Linux está buscando alto desempenho. Mas em alguns casos as pessoas acham que perdeu por pensar que o seu programa favorito não funciona no Linux. O programa JDownloader é um exemplo. Se você mudou para o Linux e pensa assim, saiba que ele funciona sim e muito melhor que no Windows. Se você quiser usá-lo entre no endereço http://www.jdownloader.org/download/index,baixe o arquivo respectivo e instale. Eu uso o programa nos sistemas Ubuntu e Kubuntu, que na verdade são o mesmo. Para instalá-lo,basta aplicar o comando chmod +x jd.sh | sudo ./jd.sh na pasta onde foi descompactado e pronto você terá no seu sistema o melhor gerenciador de downloads do mundo.

Eleições 2012, Preconceito

Eu nasci homem, branco e heterossexual. Então seria demagogia falar de preconceito. Mas o que vi e ouvi nessas eleições me deixou um tanto quanto chocado. Quando eu vi que teríamos uma candidata a prefeita em Formiga-MG, eu até imaginei que seria uma disputa justa e até imaginei que ela poderia ser a vencedora, imagina? Mas, aos poucos, fui me decepcionando. Eu ouvi eleitores e eleitoras que ainda estavam em dúvida em quem votar, mas nem cogitavam a hipótese de votar em uma mulher. Eu ouvi outras coisas piores que eu nem tenho coragem de dizer aqui, tamanha foi a falta de respeito ao ser-humano. Havia pessoas que assistiam ao horário político dos outros candidatos e, quando chegava o dela, desligavam a TV. Eu sempre soube que o preconceito existia, mas eu nunca imaginei que fosse tão sério. Fiquei decepcionado. Mas eu tenho muito orgulho porque mais uma vez Deus me colocou do lado certo. Mas eu vi coisas boas também nessas eleições e que vale a pena destacar: o respeito dos eleitores uns com os outros se ajudando independente do candidato como deve ser a democracia. Mas eu continuo me perguntando: De quem foi a vitória em Formiga-MG? Será que não foi do preconceito? Numa eleição com tantas mulheres, apenas uma foi eleita. O que você acha disso? Ainda bem que eu agora posso voltar a ser homem, branco e heterossexual!

Eleições 2012, Mera Coincidência

Depois de passar quase dois meses tendo terríveis pesadelos com Jack O Vingador e A Família Adams, graças a Deus o horário político eleitoral está chegando ao fim. Aconteceu de tudo em Formiga-MG, calúnias, demagogia e promessas. Aliás, teve candidato que fez tantas promessas que a única possibilidade de cumprir todas é indo de joelhos à Aparecida do Norte. Mas, como a política ficou igual à ficção mesmo, o ideal é que se fantasie de Ananias, aquele personagem de Renato Aragão que usava as chuteiras nos joelhos. É, se fazer promessas vazias for pecado, Deus terá que ser muito generoso para perdoar a tantos. E atenção: Qualquer semelhança com fatos reais terá sido mera coincidência.

Eleições 2012, Generosidade

A candidata Joice Alvarenga não despertou em mim apenas o desejo de votar nela. Ela despertou em mim também o desejo de generosidade, de coletividade. Ela me despertou o desejo de prestar mais atenção aos anseios de minha mulher, de comprar para a minha filha aquele sonho que o próprio pai de Joice não pôde comprar para ela. Porque a história de vida de Joice é a mesma a que eu assisti com minhas irmãs e comas amigas delas. A história de vida dela é a mesma a que eu assisti com minhas sobrinhas e que eu vivo com minha filha. Que história linda!